NOTÍCIAS DO CAMPO

Os cristãos no Iraque


A igreja cristã no Iraque é muito antiga. Por isso, ser cristão não é algo incomum no país, já que ali existem grandes comunidades atuantes de católicos, ortodoxos e protestantes.

No entanto, não se pode afirmar que a vida do cristão protestante é fácil. Apesar do governo preocupar-se mais com ameaças terroristas e enxergar os cristãos como pessoas pacíficas e que investem no país, existe perseguição por parte da família, de partidos políticos, de quadrilhas, de grupos étnicos e até mesmo de alguns bispos católicos.

A hostilidade não é institucional, é social. Em determinadas regiões, como no sul e no centro, há espancamentos públicos dos novos convertidos, destruição de pequenos comércios, demissões e expulsões de escolas e universidades.

O trabalho da MCM

A MCM está no Iraque atuando especificamente com o povo curdo, uma etnia apátrida, unida por raça, cultura e linguagem, ainda que não tenham um dialeto padrão, com diversas religiões e credos, sendo o islamismo o mais forte.

A evangelização dessa comunidade está sendo feita de forma discreta e individual, isto é, nosso missionário tem desenvolvido amizades e pregado o Evangelho em pequenas reuniões, momentos de refeição e visitas de casa em casa.

Convidamos você, querido parceiro, a interceder pelo Iraque e pelo povo curdo, a fim de que nasça ali uma igreja nativa, que cante em sua própria língua, que ore em sua própria língua, que se reúna em seu próprio costume e que o nome de Jesus seja glorificado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Agenda

Confira os eventos que organizamos e participamos

Abrir o Whatsapp
Precisa de ajuda?
Olá, como podemos ajudar você?